Estupros na USP expõem omissão de universidades

897
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(BBC Brasil, 24/11/2014) Denúncias de alunas da Faculdade de Medicina da USP expôs um problema de muitas Universidades no Brasil em relação aos trotes violentos, violência contra mulheres, homofobia e racismo: a omissão. Tradicionais instituições de ensino do país não contribuem para o fim dos diversos tipos de violência para preservar o nome da instituição.

Leia mais:
Secretária municipal de Políticas para Mulheres se posiciona sobre violência sexual na USP (Opera Mundi, 25/11/2014)
Violência e machismo nas universidades, editorial Folha Web (Folha Web, 25/11/2014)
Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão tem duas denúncias de estupro (R7, 25/11/2014)

 

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Estupros na USP expõem omissão de universidades (BBC Brasil, 24/11/2014)

Compartilhar: