Feminicídio: os motivos que levam ao assassinato de mulheres no Brasil

2544
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Segundo a OMS, o Brasil é o quinto país que mais mata mulheres no mundo, quase sempre elas são vítimas de companheiros ou familiares

(TV Câmara, 23/01/2019 – acesse no site de origem)

Quase todos os dias nos deparamos com as notícias de mulheres assassinadas, vítimas de seus companheiros, muitas vezes com históricos de relacionamentos abusivos. Quando um crime é cometido pelo fato da vítima ser do sexo feminino, ele é considerado “feminicídio”. A lei que considera esse tipo de crime hediondo, um agravante à pena, existe desde 2015. As situações devem envolver violência doméstica e familiar, menosprezo ou discriminação à condição de mulher. São crimes motivados por ódio ou sentimento de perda do controle e da propriedade sobre as mulheres.

Assista o programa Participação Popular , da TV Câmara, sobre feminicídio.

Convidadas:

  • Delegada Sandra Gomes Melo – chefe da Delegacia de Atendimento à Mulher do Distrito Federal
  • Tânia Mara de Almeida – socióloga, professora de Sociologia da UnB, membro do Núcleo de Estudos e Pesquisas da Mulher (NEPEM) da UnB
  • Dep. Luizianne Lins (PT-CE) – relatora da Comissão Permanente Mista de Combate à Violência Contra a Mulher e Vice-presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher (participação por telefone)
  • Jackeline Romio, demógrafa

O Programa Participação Popular vai ao ar, ao vivo, das 13h às 14h, na TV Câmara, no portal Câmara Notícias e no canal da Câmara no YouTube.

Apresentação – Fabrício Rocha

Compartilhar: