Em cobertura do VMA, Vogue Brasil chama drag queens de bizarrices

1052
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

A Vogue Brasil não conseguiu passar uma semana sem aparecer nos holofotes novamente. A revista se meteu em uma nova polêmica. Dessa vez, não tem nem como dizer que não foi um close errado. Afinal, eles mesmos se desculparam pelo erro.

(Catraca Livre, 29/08/2016 – acesse no site de origem)

Durante cobertura do Video Music Awards (VMA), uma importante premiação musical nos Estados Unidos, a Vogue Brasil classificou algumas drag queens participantes de “esquisitices” e “bizarrices”. E não foram quaisquer drag queens: foram as participantes do reality show de sucesso RuPaul’s Drag Race All Stars 2, que vestiram alguns looks icônicos de outras edições do VMA.

Getty Images

Drag queens participantes do reality RuPaul’s Drag Race All Stars 2 foram vestidas com looks icônicos de outras edições do VMA (Foto: Getty Images)

Em errata, a revista afirmou que a designação da palavra “esquisitice” era para os looks das drag queens, e não para as drag queens em si: “Em post anterior empregamos erroneamente (em relação aos looks do passado, jamais ao elenco do programa ou a sua homenagem) a palavra esquisitice.”

Mas a internet já havia se manifestado. Veja abaixo alguns dos posts que fizeram sobre a publicação da Vogue:

Compartilhar: