Advogadas prestam serviço gratuito a mulheres vítimas de violência durante a pandemia

Compartilhar:
image_pdfPDF

(O Globo | 08/10/2020 | Por Paula Ferreira)

 A pandemia do novo coronavírus teve impacto em diversas áreas, mas um de seus reflexos mais preocupantes recaiu sobre a vida das mulheres. A violência doméstica registrou um salto durante o período de isolamento social. Nesse contexto, um grupo de advogadas feministas, criado em 2018, intensificou o atendimento gratuito a mulheres vítimas de violência no Rio de Janeiro. De acordo com dados do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), divulgados em maio, nos primeiros meses da pandemia houve um aumento de 50% no número de denúncias de violência contra mulher. O coletivo Coletes Rosa já atendeu perto de cem mulheres que sofreram algum tipo de violência. As advogadas dão orientações e prestam atendimento jurídico gratuito durante a pandemia.

Acesse a matéria completa no site de origem.

Compartilhar: