Ministério da Justiça lança operação para aprimorar sistema de proteção às mulheres vítimas de violência doméstica

Compartilhar:
image_pdfPDF

Operação batizada de Maria da Penha tem participação das polícias civis e militares de todos estados e do DF. Entre ações anunciadas, estão a capacitação dos servidores que atendem ligações de emergência pelo telefone 190.

(G1 | 18/08/2021 | Por Wellington Hanna, TV Globo)

Ministério da Justiça anunciou, nesta quarta-feira (18), uma operação para aprimorar o sistema de proteção às mulheres vítimas de violência doméstica no Brasil. A operação, batizada de Maria da Penha, tem a participação das polícias civis e militares de todos os estados do país e do Distrito Federal.

Entre as ações anunciadas pelo ministério, estão a capacitação dos servidores que atendem as ligações de emergência pelo telefone 190. Segundo a pasta, “haverá a padronização do atendimento e a criação de um protocolo de atendimento à ocorrência policial de violência doméstica e familiar contra a mulher”.

Também será criada uma força-tarefa para auxiliar oficiais de justiça no cumprimento de notificações de agressores, cujas vítimas buscam medidas protetivas. As ações vão acontecer entre os dias 20 de agosto e 20 de setembro e os dados da operação serão utilizados para a formulação de políticas públicas e para melhoria do atendimento, explica a pasta.

“O objetivo é qualificar o atendimento às vítimas, reforçar o cumprimento de medidas protetivas, além de conscientizar a população sobre a importância de denunciar as agressões”, diz o Ministério da Justiça.”

Acesse a matéria completa no site de origem

Compartilhar: