Vítima de estupro na USP diz sofrer preconceito após denunciar caso

826
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(G1, 26/02/2015) A estudante de 19 anos da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), vítima de estupro no campus de Ribeirão Preto (SP), afirma que é tratada com rejeição por parte dos colegas de curso após depoimento prestado na Slesp para CPI do Trote. Investigação que apura denúncias de estrupo, violência, racismo e homofobia nas universidades de São Paulo

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Vítima de estupro na USP diz sofrer preconceito após denunciar caso (G1, 26/02/2015)

Compartilhar: