15/12/2011 – Michelle Bachelet reafirma compromisso com promoção da igualdade racial e de gênero no Brasil

337
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

michellebachelet_luizabairros(Seppir) Mulheres pobres, indígenas e negras são mais discriminadas na opinião de Bachelet e devem ser alvo de programas específicos, a serem implantados em parceria com órgãos como a Seppir. Foi o que afirmou a representante da ONU ontem (14), em audiência com a Ministra da Igualdade Racial, Luiza Bairros. 

A Secretária-Geral Adjunta das Nações Unidas e Diretora-Executiva da ONU Mulheres – Entidade das Nações Unidas para a Igualdade de Gênero e o Empoderamento das Mulheres, Michelle Bachelet, reafirmou o compromisso do Sistema ONU com a promoção da equidade de raça e de gênero no Brasil. A declaração foi feita na tarde de ontem (14), durante audiência com a Ministra da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Luiza Bairros.

“A discriminação étnica e de gênero é um fator que mantém as desigualdades no mundo e as mulheres mais excluídas que outras são as pobres, indígenas e negras”, declarou Bachelet. De acordo com a ministra Luiza Bairros, o Sistema ONU é um parceiro importante para o Brasil e a cooperação com o governo brasileiro será mantida a partir de várias iniciativas.

Em sua primeira missão ao Brasil, Bachelet mantém uma série de compromissos em Brasília e no Rio de Janeiro até amanhã (16). A agenda inclui reunião com mulheres líderes na política brasileira, conferência especial na 3ª Conferência Nacional de Políticas para as Mulheres, audiência com a Presidenta da República, Dilma Rousseff, e entrega da versão em Português de relatório sobre trabalho e direitos sociais. No Rio de Janeiro, Bachelet visita a comunidade do Cantagalo e o Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil.

Acesse em pdf: Michele Bachelet reafirma compromisso com promoção da igualdade racial e de gênero no Brasil (Seppir – 15/12/2011)

Compartilhar: