Voz das mulheres

Compartilhar:
image_pdfPDF

Documentos relatam as angústias e as dores das mulheres do Brasil Colônia, como abuso sexual, violência doméstica, abandono, desigualdade de gênero – heranças vividas até os dias de hoje

(G1 | 16/09/2021 | Por Redação)

Um grupo de pesquisadoras da Universidade de São Paulo (USP) reuniu, pela primeira vez, mais de 150 documentos de autoria de mulheres, ou relatos de seus discursos, escritos entre 1500 e 1822. Os arquivos, com as histórias de pessoas como Maria, Gertrudes, Felipa, Anna Maria, Francisca, Feliciana e Anna Caetana, formam um catálogo importante para os estudos da micro história do país, aquela não contada pelos vencedores. Apesar de trazerem episódios distantes temporalmente, eles dialogam com os dias de hoje, principalmente quanto à perpetuação da violência contra a mulher. Episódios de agressão, preconceito, abuso, são recorrentes no Brasil do século 21. Desde 2006, o G1 noticia casos sobre violência doméstica e lesbofobia, por exemplo. E, nesses 15 anos do portal, encontramos histórias que conectam o Brasil da atualidade com o colonial.

Acesse a matéria completa no site de origem

Compartilhar: